Dr. Fayez Bahamad Jr

Atendimento:

(61) 3328-6009

Notícias

 

 

Total: 11. Listados de 1 a 11.

 

 

Dia Mundial da Audição destaca benefícios do tratamento precoce para perda auditiva na infância

Campanha global aumenta a consciência sobre a intervenção precoce e impactos positivos no desenvolvimento da linguagem e discurso infantil.

 

Nesta quinta-feira, 3 de março é celebrado o Dia Mundial da Audição - uma iniciativa liderada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para aumentar a conscientização sobre o impacto da perda auditiva. De acordo com estimativas da OMS, cerca de 360 milhões de pessoas (aproximadamente 5% da população mundial) vivem com alguma perda auditiva incapacitante. Desses, cerca de 32 milhões são crianças. Neste ano, o tema "Perda de audição na infância: saiba como e aja agora!" pretende aumentar a conscientização sobre políticas públicas que podem ajudar a reduzir a prevalência e o impacto da perda auditiva em crianças.

 

Jovens abusam dos fones de ouvido

Jovens abusam dos fones de ouvido

 

 

Em apoio às iniciativas do Dia Mundial da Audição, a MED-EL, empresa líder em sistemas de implantes auditivos, lança o vídeo: "Através dos ouvidos de uma criança". A produção destaca as vantagens do tratamento precoce da perda de audição, que sucede o momento em que as crianças começam a explorar o mundo em torno delas e aprendem a interagir com os demais.

 

O vídeo recebe ainda o apoio da HEARRING, rede global de especialistas em implantes auditivos. "Este ano, o Dia Mundial da Audição focado em crianças vai fortemente ao encontro da nossa visão de que detecção precoce e intervenção por meio do implante pode ajudar as crianças com perda auditiva severa", afirma Paul Van de Heyning, Presidente da Comissão Científica do HEARRING. "Tratar crianças com perda auditiva antes dos 12 meses pode proporcionar a elas uma maior chance de atingir o seu melhor potencial de desenvolvimento".

 

Hoje é o Dia de Cuidados com a Audição

Dr. Fayez Bahmad Jr. alerta para a importância da prevenção e do diagnóstico precoce da perda auditiva

 

 http://cbn.globoradio.globo.com/programas/cbn-noite-total/2016/03/03/HOJE-E-O-DIA-DE-CUIDADOS-COM-A-AUDICAO.htm

 

Dia Mundial da Audição: veja como identificar problemas nas crianças

 

Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), 32 milhões de crianças vivem com alguma perda auditiva incapacitante. Por isso, detectar precocemente problemas de audição é  importante para que não haja prejuízos para o desenvolvimento e para as habilidades sociais.


Segundo Fayez Bahmad, médico otorrinolaringologista, doutor em distúrbios da audição pela Harvard Medical School, e professor da Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade de Brasília, a surdez tem várias causas, dentre elas, as mais comuns são: origem infecciosa, de doenças como  sarampo, caxumba,  meningite viral e bacteriana, por exemplo; fatores genéticos e causas traumáticas, como um acidente. Além disso, bebês que nascem prematuros podem evoluir com perda auditiva.


Para o especialista, pais e professores podem ficar atentos a alguns sinais que ajudam a detectar possíveis problemas de audição. Crianças com perda auditiva geralmente manifestam dificuldade de compreensão, falta concentração na sala de aula, baixo rendimento escolar, ficam mais dispersas e possuem alguma alteração de linguagem e distúrbios de fala.


"O ideal é que toda criança em idade escolar possa realizar um exame de audiometria anualmente", diz o Dr. Fayez. Após a consulta com o médico, se houver suspeita de problemas, o paciente é submetido a um exame de audição, chamado audiometria, para diagnosticar o grau da perda auditiva. Dependendo do grau, o tratamento varia desde um aparelho de audição até um implante para substituir o órgão auditivo em casos mais graves.


Crianças ou adultos não tratados acabam ficando desconectados do seu ambiente de trabalho ou estudo e convívio social, pois perdem a capacidade de dialogar ou compreender o que as pessoas ao redor falam, fazendo com que  ocorra um isolamento.


O médico também explica que uma das principais doenças modernas é a perda auditiva provocada por ruídos intensos. Portanto, as crianças devem evitar o uso de aparelhos sonoros com intensidade de áudio muito alta. Além do exame para diagnóstico, essa é a principal medida de prevenção.

 

Hoje é o Dia Mundial da Audição: 32 milhões de crianças não ouvem direito

 

Você já parou para pensar sobre a importância de dar atenção à audição do seu filho pequeno? Muitas vezes as mães correm para cima e para baixo com gripes, resfriados, febres e viroses, porém a forma como a criança escuta as outras pessoas acaba por passar batido. Também é muito comum os pais acharem que os pequenos estão distraídos e por isso não o escutam. Pensando nisso, a Organização Mundial de Saúde (OMS) criou o Dia Mundial da Audição, como uma forma de conscientizar sobre o problema. A OMS estima que cerca de 32 milhões de crianças vivem com alguma perda auditiva incapacitante!
A boa notícia é que pesquisas mostram que crianças cuja audição é prejudicada profundamente antes de aprenderem a falar são mais propensas a se beneficiarem do tratamento com implantes auditivos quando eles são colocados precocemente. Isso porque elas passam a ter informação auditiva no momento em que seu cérebro é especialmente preparado para aprender a língua. Portanto, a sua audição e discurso têm a oportunidade de se desenvolver de modo semelhante ao de uma criança ouvinte normal. Ou seja, quanto mais cedo, mais chances de ter um desenvolvimento saudável dos sentidos e aprendizados da fase infantil.
O otorrinolaringologista Fayez Bahmad Jr., professor da Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade de Brasília, ressalta que, na dúvida os pais devem pedir um exame de audiometria ao médico especialista. Dessa forma, dá para diagnosticar se a criança possui perda auditiva ou se o problema são os distúrbios de concentração. E vale dizer que desde o nascimento é possível fazer o diagnóstico. "Por meio do teste de emissões otoacusticas e potenciais evocados auditivos conseguimos diagnosticar surdez em bebês recém-nascidos. Daí a importância da triagem auditiva neonatal", alerta.

Veja mais no material abaixo:

Em apoio às iniciativas do Dia Mundial da Audição, a empresa de implantes auditivos MED-EL lançou o vídeo "Através dos ouvidos de uma criança". Achei uma graça porque fala sobre o momento em que elas passam a explorar o mundo, que antes era mais solitário, e como suas vidas podem ser transformadas quando a audição é restaurada.

Também vale ressaltar que hoje no Brasil, temos tecnologia de ponta disponível no SUS para todos aqueles que necessitem. Entre os avanços nessa área, está o primeiro implante de condução óssea ativo do mundo, e para realizar o tratamento é preciso passar pela avaliação médica em um dos cerca de 28 centros credenciados pelo Ministério da Saúde e que estão localizados em diversas cidades por todo o País.

 

Lançamento da Semana da Voz

   Realizado dia 15/04 o Lançamento da Semana da Voz, em comemoração ao Dia Mundial da Voz, na Câmara de Deputados, com apoio dos Deputados Erika Kokay e Saraiva Felipe, e a realização de ABLV, ABORL-CCF, AORL E CEREST- DF/SES/DF.



Este evento tem por objetivo alertar a população em geral e aquelas que usam a voz como ferramenta de trabalho, para os cuidados em relação à voz, como os seguintes:

·    Nunca beber água gelada enquanto fala,

·    Mastigue bem os alimentos e faça refeições leves antes do uso profissional da voz,

·    A maça e o salsão têm propriedades adstringentes, limpando o trato vocal

·    Respeita as horas de sono e cultive o hábito de beber água durante o dia para deixar as pregas vocais com maior flexibilidade e vibração,

·    Use roupas confortáveis, mantendo a postura ereta, porém relaxada, permitindo a livre movimentação dos braços,

·    Faça repouso vocal de 30 minutos antes do uso profissional da voz,

·    Faça exercícios de aquecimento e desaquecimento vocal antes e depois do uso profissional da voz.

 

Assista ao vídeo clicando aqui


   AORL-DF

www.aorldf.org.br

 

Encontro de Implantados

 

Instituto Brasiliense de Otorrinolaringologia

NOTÍCIAS

GRANDE ENCONTRO DE IMPLANTADOS EM BRASÍLIA

 

 


Seguindo com a proposta de trabalhar com a divulgação e orientação da população em geral, a equipe do Instituto Brasiliense de Otorrinolaringologia e seu Centro de Implante Coclear dirigido pelo Dr Fayez Bahmad Júnior realizará mais um grande encontro de pacientes submetidos a implante coclear.

 

Todos os pacientes antes portadores de surdez neurossensorial profunda e que agora estão ouvindo estarão se reunindo nos dias 01 e 02 de Fevereiro de 2013, uma sexta-feira e sábado pela manhã, em Brasília, no Auditório do Hospital Brasília.

 

Na oportunidade, vários temas serão abordados pela equipe de fonoaudiólogas do Instituto Brasiliense de Otorrinolaringologia (Fga Carolina Cardoso, Fga Fernanda Faria, Fga Marina Santos, Fga Monique Chelminski) além de temas proferidos pelo otorrinolaringologista Dr. Fayez Bahmad Júnior e outros convidados nacionais.

 

Vários temas serão dedicados aos pacientes implantados e seus parentes, principalmente no sábado pela manhã. Muitos pacientes implantados terão a liberdade de dividirem seus testemunhos e suas experiências do antes e depois de serem implantados.

 

E no final do eventos todos participarão de uma grande festa de confraternização.

 

Vertigens em Foco

 

Instituto Brasiliense de Otorrinolaringologia

SERVIÇOS OFERECIDOS

VERTIGENS EM FOCO

 

 


 

Seguindo com a proposta de trabalhar com prevenção, a equipe do Proasa realizou mais um culto especial na sede sul-americana da Igreja, em Brasília, nesta sexta-feira, 18 de maio.

 

Na oportunidade, sob o tema "Com a palavra, o doutor", esteve presente o otorrinolaringologista Dr. Fayez Bahmad Júnior. Formado em Otorrinolaringologia pela Universidade de Brasília e com Doutorado pela Harvard University, nos Estados Unidos, o doutor Fayez falou sobre "Vertigens" em entrevista conduzida pela enfermeira Melânia Abreu e pelo diretor administrativo do Proasa, Pierre Damásio.

 

Segundo o Dr. Fayez, para evitar problemas de saúde relacionados com o labirinto é importante manter uma boa alimentação, sono adequado e realizar exercícios físicos diariamente.

 

Vale destacar também que ele enfatizou o risco do uso indiscriminado de medicamentos para vertigens e tonturas. "Está comprovado que o uso dessas medicações provoca doenças demenciais como Doença de Parkinson".

 

A recomendação para quem está apresentando sintomas como vertigens, tonturas e instabilidades posturais é procurar um otorrinolaringologista que indicará o tratamento adequado para cada caso.

 

O Dr. Fayez Bahmad Júnior atende em sua clínica, na SMHN, Qd. 2, Bloco C, Edifício Dr. Crispim, telefone 3328-6009, em Brasília. [Redação - Equipe de Assessoria de Comunicação DSA - Márcia Ebinger]

 

Simpósio Internacional de Otorrinolaringologia
Evento foi organizado pela Associação de Otorrinolaringologistas do Distrito Federal marcado pela presença e homenagem ao renomado Prof. Michael Paparella, dos EUA. Confira detalhes!



Evento foi organizado pela Associação de Otorrinolaringologistas do Distrito Federal marcado pela presença e homenagem ao renomado Prof. Michael Paparella, dos EUA. Confira detalhes!

Durante o final de semana de 13 a 15 de junho, o célebre Prof. Michael Paparella prestigiou dois grandes eventos científicos no Brasil: o Simpósio Internacional de Otorrinolaringologia do Distrito Federal e o II Simpósio Internacional de Otologia Starkey, em São Paulo.

O Diretor Científico da Associação de Otorrinolaringologia do Distrito Federal Dr Fayez Bahmad Júnior fez questão de agradecer a todos os palestrantes nacionais e internacionais pelo sucesso do evento.

O evento da Associação de Otorrinolaringologia do Distrito Federal aconteceu na sede da Associação Médica de Brasília e recebeu otorrinos de diversos estados brasileiros, além do convidado internacional.

Presença dos Drs. Aldo Stamm, Marcus Vinicius Collares, Ricardo Lopes da Cruz, Carlos Alberto Caropreso, Luiz Paulo Kowalski, Renato Roithmann, Alexandre Felippu, Perboyre Sampaio, Sady Selaimen Costa, Marcelo Toledo Piza e Marcelo Hueb. Os dois últimos, presidente da ABORL-CCF e diretor da Comissão de Comunicações da entidade - respectivamente - representaram a Associação Brasileira de Otorrinolaringologia.

Os três dias de evento tiveram uma rica programação com painéis que abrangeram os principais temas da ORL. Dentre eles, o tratamento cirúrgico da polipose naso-sinusal, a relação do otorrino e do cirurgião crânio maxilo-facial no tratamento de tumores faciais, a cirurgia esquelética na SAHOS, rinoplastia, casos difíceis de câncer de cabeça e pescoço, cirurgia nasossinusal por endoscopia, cirurgia endoscópica nas enfermidades malignas da base do crânio, otite média crônica, atualização em timpanomastoidectomia e eletrofisiologia da audição.

O Prof. Paparella, especialista na área de otologia, apresentou suas experiências em cirurgia do estribo e síndrome de Ménière. Durante a cerimônia de encerramento do Simpósio, na presença de ex-alunos, o americano foi homenageado pelos anos de dedicação à otorrinolaringologia e pelo ensino de médicos brasileiros que se tornaram verdadeiros líderes da especialidade.

Descrição: PAPARELLA.JPG
Prof. Dr. Michael M Paparella e Prof. Dr. Fayez Bahmad Jr e Prof. Dr. Carlos Augusto Oliveira


Descrição: IMG_1031.JPG
Prof. Dr. Fayez Bahmad Jr e Prof. Dr. Pedro Luiz Mangabeira Albernaz

 

Dia Mundial da Audição destaca benefícios do tratamento precoce para perda auditiva na infância

Nesta quinta-feira, 3 de março, é celebrado o Dia Mundial da Audição - uma iniciativa liderada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para aumentar a conscientização sobre o impacto da perda auditiva. De acordo com estimativas da OMS, cerca de 360 milhões de pessoas (aproximadamente 5% da população mundial) vivem com alguma perda auditiva incapacitante. Desses, cerca de 32 milhões são crianças. Neste ano, o tema "Perda de audição na infância: saiba como e aja agora!" pretende aumentar a conscientização sobre políticas públicas que podem ajudar a reduzir a prevalência e o impacto da perda auditiva em crianças.

Em apoio às iniciativas do Dia Mundial da Audição, a MED-EL, empresa líder em sistemas de implantes auditivos, lança o vídeo: "Através dos ouvidos de uma criança". A produção destaca as vantagens do tratamento precoce da perda de audição, que sucede o momento em que as crianças começam a explorar o mundo em torno delas e aprendem a interagir com os demais.

O vídeo recebe ainda o apoio da HEARRING, rede global de especialistas em implantes auditivos. "Este ano, o Dia Mundial da Audição focado em crianças vai fortemente ao encontro da nossa visão de que detecção precoce e intervenção por meio do implante pode ajudar as crianças com perda auditiva severa", afirma Paul Van de Heyning, Presidente da Comissão Científica do HEARRING. "Tratar crianças com perda auditiva antes dos 12 meses pode proporcionar a elas uma maior chance de atingir o seu melhor potencial de desenvolvimento".

O vídeo "Através dos ouvidos de uma criança" traz à tona as diferentes maneiras com que as crianças experimentam o mundo quando estão lutando contra a perda de audição, e como sua vida pode ser transformada quando esse sentido é restaurado.

Pesquisas mostram que crianças cuja audição é prejudicada profundamente antes de aprenderem a falar são mais propensas a se beneficiarem do tratamento com implantes auditivos quando os recebem precocemente. Estas crianças começam a ter informação auditiva no momento em que seu cérebro é especialmente preparado para aprender a língua. Portanto, a sua audição e discurso têm a oportunidade de se desenvolver de modo semelhante ao de uma criança ouvinte.

Visite www.earsofachild.com e escolha a opção "português" entre os idiomas disponíveis para ver o vídeo produzido pela MED-EL e aprender mais sobre as maneiras com que a perda auditiva na infância pode ser prevenida e tratada.

 

 

 

Dia Mundial da Audição: 3 de março

Campanha global aumenta a consciência sobre a intervenção precoce e impactos positivos no desenvolvimento da linguagem e discurso infantil

Nesta quinta-feira, 3 de março é celebrado o Dia Mundial da Audição - uma iniciativa liderada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para aumentar a conscientização sobre o impacto da perda auditiva. De acordo com estimativas da OMS, cerca de 360 milhões de pessoas (aproximadamente 5% da população mundial) vivem com alguma perda auditiva incapacitante. Desses, cerca de 32 milhões são crianças¹. Neste ano, o tema "Perda de audição na infância: saiba como e aja agora!" pretende aumentar a conscientização sobre políticas públicas que podem ajudar a reduzir a prevalência e o impacto da perda auditiva em crianças².

Em apoio às iniciativas do Dia Mundial da Audição, a MED-EL, empresa líder em sistemas de implantes auditivos, lança o vídeo: "Através dos ouvidos de uma criança". A produção destaca as vantagens do tratamento precoce da perda de audição, que sucede o momento em que as crianças começam a explorar o mundo em torno delas e aprendem a interagir com os demais.

O vídeo recebe ainda o apoio da HEARRING, rede global de especialistas em implantes auditivos. "Este ano, o Dia Mundial da Audição focado em crianças vai fortemente ao encontro da nossa visão de que detecção precoce e intervenção por meio do implante pode ajudar as crianças com perda auditiva severa", afirma Paul Van de Heyning, Presidente da Comissão Científica do HEARRING. "Tratar crianças com perda auditiva antes dos 12 meses pode proporcionar a elas uma maior chance de atingir o seu melhor potencial de desenvolvimento".

O vídeo "Através dos ouvidos de uma criança" traz à tona as diferentes maneiras com que as crianças experimentam o mundo quando estão lutando contra a perda de audição, e como sua vida pode ser transformada quando esse sentido é restaurado.

Pesquisas mostram que crianças cuja audição é prejudicada profundamente antes de aprenderem a falar são mais propensas a se beneficiarem do tratamento com implantes auditivos quando os recebem precocemente³. Estas crianças começam a ter informação auditiva no momento em que seu cérebro é especialmente preparado para aprender a língua. Portanto, a sua audição e discurso têm a oportunidade de se desenvolver de modo semelhante ao de uma criança ouvinte normal.

Visite o site para ver o vídeo produzido pela MED-EL e aprender mais sobre as maneiras com que a perda auditiva na infância pode ser prevenida e tratada.

Para conhecer a versão em português, acesse:

https://www.dropbox.com/s/qe99s1vaj8axrhb/WHD%20Portugese%20v1.0%202016-02-29.mp4?dl=0



Sobre MED-EL

A MED-EL está sediada em Innsbruck (Áustria), possui 29 escritórios em todo o mundo e é a fabricante líder no mercado internacional de implantes auditivos. Em 1977, os cientistas austríacos Dra. Ingeborg Hochmair e o Professor Erwin Hochmair, desenvolveram o primeiro implante coclear multicanal e fundaram a companhia. Mas, foi em 1990, que a estrutura física da empresa foi lançada e iniciou-se a contratação dos primeiros colaboradores. Hoje, a MED-EL possui mais de 1.500 funcionários.

O implante coclear foi e ainda é considerado o primeiro dispositivo de substituição eficaz e viável de um órgão sensorial. Os implantes da MED-EL se diferenciam por seu rendimento, facilidade de uso e confiabilidade. No portfólio destacam-se os implantes cocleares, implantes do ouvido médio, o sistema EAS (Acoustic Estimulação Elétrica combinado), implante de tronco encefálico (ABI) e o primeiro implante condução óssea, o que corresponde a maior variedade de produtos no mundo em soluções para o tratamento de diversas formas de perda auditiva. Atualmente, pacientes de mais de 100 países podem ouvir graças ao uso dos produtos MED-EL.

Você pode encontrar mais informações no site http://www.medel.com



Sobre o Dia Mundial da Audição 2016

O Dia Mundial da Audição é um evento anual de sensibilização organizado pela OMS. O tema de 2016, "Perda de audição na infância: saiba como e aja agora!", tem o intuito de chamar a atenção para a necessidade de uma ação global para melhorar as estratégias de prevenção e tratamento da perda da audição em crianças². Para elas, a audição é peça-chave para aprender a linguagem falada, impacta diretamente no desempenho acadêmico e também no engajamento social. A perda auditiva representa uma barreira para a educação e integração¹ social. Portanto, crianças com dano auditivo podem se beneficiar muito a partir da identificação precoce e adequada do problema e de intervenções¹ oportunas. Você pode descobrir mais sobre o Dia Mundial da Audição aqui.


Sobre HEARRING

HEARRING é uma rede de importantes centros internacionais que oferecem soluções abrangentes de implantes para o tratamento de problemas auditivos. É formada por renomados cirurgiões auditivos especialistas em restauração e preservação da audição. Seus membros estão empenhados em liderar a exploração de novos caminhos em pesquisas relacionadas à audição e na ciência que envolve implantes, focados no avanço de procedimentos clínicos e desenvolvimento e aperfeiçoamento de técnicas cirúrgicas. A rede HEARRING se baseia na crença de que a investigação só é possível através da colaboração internacional e a partilha da experiência coletiva dos principais centros clínicos em todo o mundo.

Visite o portal.

 

 

Dia Mundial da Audição destaca benefícios do tratamento precoce para perda auditiva na infância

Nesta quinta-feira, 3 de março, é celebrado o Dia Mundial da Audição - uma iniciativa liderada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para aumentar a conscientização sobre o impacto da perda auditiva. De acordo com estimativas da OMS, cerca de 360 milhões de pessoas (aproximadamente 5% da população mundial) vivem com alguma perda auditiva incapacitante.

Desses, cerca de 32 milhões são crianças. Neste ano, o tema "Perda de audição na infância: saiba como e aja agora!" pretende aumentar a conscientização sobre políticas públicas que podem ajudar a reduzir a prevalência e o impacto da perda auditiva em crianças.

Leia mais no Portal da Enfermagem: http://migre.me/t9Spt

 

 

 

 

 

 

 

 

Instituto Brasileiro de Otorrinolaringologia

Todos os direitos reservados 2012 © Instituto Brasiliense de Otorrinolaringologia
SMHN Quadra 02 Bloco C Edifício Dr. Crispim Salas 515 a 517, ASA NORTE, Brasília, DF, Brasil. CEP 70710-149

GN1